Desde a criação, a luta por direitos e igualdade  

Nosso sindicato nasceu para atender à necessidade dos trabalhadores da Saúde em ter uma representação de fato, o que não existia até o início dos anos 80. A criação ocorreu em 27 de outubro de 1992, durante assembléia convocada para discutir sobre a nova entidade e a composição de sua primeira diretoria. 

E já começamos lutando, vez que, logo após sua constituição, o Sindicato foi impedido de representar legalmente os trabalhadores da Saúde. Processo movido por um sindicato de base estadual que dizia representar a região do Grande ABC foi o motivo do impedimento. Coube, então, a esta diretoria, esperar pela decisão da Justiça, num longo embate judicial que perdurou até 26 de março de 2002.  

Mesmo neste período de espera e expectativa, com muita coragem e disposição, o Sindicato já mostrava aos patrões sua posição, defendendo os trabalhadores, reivindicando melhores condições de trabalho, mobilizando, liderando greves e organizando CIPAs. O oferecimento de serviços como a assistência jurídica também possibilitou a reversão de abusos e práticas patronais ofensivas aos direitos trabalhistas, com demissões por justa causa sendo anuladas e funcionários reintegrados ao local de trabalho. 
 

É a partir dessa atuação e reconhecimento das várias categorias que formam o ramo da Saúde que tem início efetivamente a dinâmica que marca o trabalho do Sindicato. Além da defesa intransigente dos direitos trabalhistas e o oferecimento de serviços em várias áreas (jurídico, comunicação, educação, saúde, entre outras), nossa meta inclui também a organização da base e a formação de militantes de política sindical, garantindo, assim, condições básicas para que os profissionais da Saúde estejam sempre bem representados em sua luta, com o comprometimento e a renovação da diretoria de sua entidade.

Ainda temos muitos desafios a enfrentar. São questões que se relacionam não apenas a aspectos financeiros, mas também a condições de trabalho e desenvolvimento do profissional da Saúde em todas as instâncias. Esse desenvolvimento pressupõe igualdade de oportunidades e direitos para todos, campanha adotada pela entidade que, além da preocupação com cada ramo da Saúde, tem como diretriz a busca da plena cidadania para todos os brasileiros.