Em assembleia realizada ontem à noite (07/12), os trabalhadores(as) da Fundação do ABC em Mauá (Cosam) decidiram não iniciar a greve a partir de hoje e manter a mobilização. Deliberaram ainda que o Sindicato deve solicitar um encontro deles com o prefeito de Mauá, Átila Jacomussi, com a presença do Sindicato.

Antes das deliberações, o Sindicato apresentou todas as atas de reuniões com a Fundação do ABC e a Prefeitura, informando inclusive sobre a promessa do prefeito de Mauá de que na próxima semana será quitada a primeira parcela do 13º salário.

O atraso do pagamento da primeira parcela do 13º é um dos motivos da mobilização dos trabalhadores(as).

Escrito por: Maria Helena Domingues, jornalista do SindSaúde ABC