Em resposta ao ofício do Sindicato, a direção da FUABC marcou reunião para o próximo dia 24, quinta-feira, às 11h, na sede da empresa. Um dia antes, dia 23, será realizada manifestação às 7h em frente ao Hospital Municipal de Clínicas, conforme aprovado semana passada, durante ato de protesto.

Na manifestação o Sindicato vai oferecer um café da manhã para os funcionários(as) do HC. “Será um café simples e simbólico; na verdade, será um protesto contra a empresa, que não fornece café da manhã aos seus funcionários, desrespeitando o Acordo Coletivo de Trabalho”, disse o presidente do Sindicato, Almir Rogério, o Mizito.

No ato da semana passada (foto), além de nova manifestação no dia 23 também foi aprovado manter a mobilização e denunciar ao Sindicato qualquer tipo de ameaça ou represália por parte das chefias e, no caso de alguma demissão, a resposta seria a greve.

O ofício enviado pelo SindSaúde ABC à diretora de RH da empresa, Ana Paula Queiroz, solicita reunião para resolver a questão dos processos de dissídio coletivo de 2016 e 2017, além de outros problemas, entre eles a falta de convênio médico, falta de café da manhã, assédio moral, mudança de horário etc.

É importante lembrar que estamos em Campanha Salarial. Só até 2017 os trabalhadores(as) da Fundação do ABC acumulam perda sendo 9% de 2016 e 4% de 2017). Juntando com 2018, essa perda sobe para cerca de 15%, o que é um absurdo!

Portanto, é fundamental a participação de todos nas assembleias e manifestações convocadas pelo Sindicato. Sem mobilização não há conquistas!