À Secretaria de Políticas sociais e sindicais compete: promover políticas de combate às desigualdades sociais; desenvolver políticas para integração de jovens da categoria; executar políticas de combate à discriminação racial e a homofobia e qualquer tipo de discriminação e preconceito; desenvolver políticas para integração de trabalhadores com deficiência; assegurar o bom desenvolvimento nas relações com as instâncias organizativa da CUT; promover a implantação de políticas afirmativas na categoria; elaborar relatórios trimestrais das atividades desenvolvidas e encaminhar para a Secretaria Geral.